Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/1126
Título: A leiturização como prática de letramento na educação de jovens e adultos
Autor(es): Carvalho, Rafael Dantas de
Orientador(a): Bortone, Márcia Elizabeth
Palavras-chave: Educação de jovens e adultos;Letramento;Sociolinguística
Data do documento: 29-Jan-2019
Data de defesa: 4-Dec-2008
Editor: Universidade de Brasília - UnB
Citação: CARVALHO, Rafael Dantas de. A leiturização como prática de letramento na educação de jovens e adultos. 2008. 150 f. Dissertação (Mestrado em Linguística)-Universidade de Brasília, Brasília, 2008.
Resumo: A pesquisa tem por escopo desenvolver uma metodologia de leiturização que abarque a leitura explícita, a leitura inferencial e a leitura crítica dos alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), analisando o ensino de Língua Portuguesa como uma prática de letramento. O trabalho apresenta um breve histórico da Educação de Jovens e Adultos no Brasil, evidenciando a marginalização que é dispensada a essa modalidade de ensino. O desenvolvimento da metodologia de leiturização baseia-se nos preceitos da LDB de 1996 (Lei 9394/96), da Constituição de 1988 e dos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) de Língua Portuguesa. Além disso, abarca uma concepção atrelada ao modelo ideológico de letramento, apresentando contribuições significativas da Psicolingüística, da Lingüística Textual e Discursiva e da Sociolingüística Interacional. A pesquisa caracteriza-se como uma pesquisa participante em que o pesquisador age ativamente na mudança do processo de leitura dos alunos envolvidos neste trabalho. Há uma proposta de leiturização baseada em Dell'Isola (2001) e Bortone (2007), tomando a leitura como uma prática social que possibilita ao aluno exercer seu papel de cidadão crítico e reflexivo. A coleta dos dados deu-se por meio da interação do pesquisador com os sujeitos da pesquisa, chegando a uma análise qualitativa dos dados. Portanto, o desenvolvimento de uma metodologia de leitura com vistas ao letramento para EJA relaciona-se a um processo de leitura como um ato de construção social. __________________________________________________________________________________________ ABSTRACT The purpose of this research was to develop a reading methodology that focused on three aspects of the reading process: 1. The reading comprehension of explicit information; 2. The processing of inferences and 3. The development of the readers critical stance toward the written texts, to be used in the youth and adult education. Underlying such methodology there was the concept of literacy as social practices. The work included a short history of youth and adult education in Brazil, which has been historically treated as a marginal educational task, despite the large number of adult illiterates in the country. Several legal documents concerning the policy of youth and adult education were revised. The study followed the principles of The New Studies of Literacy, which are based on the so-called ideological concept of Literacy. The study also drew from the tradition of Text Linguistics, Interactional Sociolinguistics and Psycholinguistics. The adopted qualitative methodology was that of an action participant research by means of which the researcher contributed to the implementation of important changes in the processes of reading in a class of youth and adults, and it was based mainly on Dell’Isola (2001) and Bortone (2007). The results showed that the reading process of the target group was very much improved and that the whole experience turned out to be an act of social construction.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1126
Etapa/Modalidade: EJA
Appears in Collections:10.01.01 Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_RafaelDantasdeCarvalho.pdfDissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Linguística, Português e Línguas Classicas, Programa de Pós-Graduação em Linguística, 2008.755,29 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.